sexta-feira, 27 de junho de 2014

"Perrengues" de um projetor iniciante...



Bom dia pessoas...

Eu comecei a estudar sobre o tema viagem astral há uns 6 meses apenas, lembro que procurando um vídeo sobre sintomas de assédio encontrei o canal do Saulo no You Tube e passei a ouvir vários, faqs, ouvi outros palestrantes como o Laércio da Fonseca, Vagner Borges, assisti a documentários sobre várias religiões e comecei a querer me aprofundar no assunto, baixei os cursos, ouvi o básico, o intermediário e agora estou na metade do avançado, fui assistir a uma palestra do Vagner Borges que caramba é do lado de casa e eu nunca tinha nem reparado...rs..e nesse tempo comecei a praticar as tais técnicas energéticas.

No inicio comecei a aumentar minha sensibilidade, sentia muitos arrepios, sentia a energia que estava ao meu redor boa ou ruim, então tive a minha primeira catalepsia projetiva, ao abrir o olho dei de cara com um amigo com cara de doido e pelado em cima de mim, tentei me mexer, queria chutar ele pra longe, mais não conseguia então fechei o olho pensei em voltar pro corpo e rezei um pai nosso, foi automático voltei frustrada pensando: PQP logo agora que consegui minha primeira experiência do de cara com um espirito tarado...froids..rs..não tive medo mais fiquei frustrada.
Continuei a trabalhar as energias, detalhe eu durmo no meio dos meus dois filhos...rs..e percebia que quando eu trabalhava as energias na hora de dormir eles ficavam agitados, e eu não conseguia me concentrar, decidi fazer isso no banheiro da empresa durante o dia...rs..faze o que é o jeito..rs..
Contei no centro espirita que eu frequento sobre a experiência, sobre o que eu estava estudando, me falaram que eu parasse com isso, que era perigoso e me encaminharam pra tratamento, parei por um tempinho por falta de confiança, porém ao parar não conseguia mais equilibrar minhas energias, os sintomas de assédio que haviam parado quando comecei a praticar as técnicas voltaram, eu quase dormia no volante de tanto sono, vivia desanimada, irritada, eu perguntava lá no centro se fazer o EV (estado vibracional) tinha algum problema, pq me ajudava, as respostas eram: olha não sei exatamente o que é isso nunca estudei, mais é melhor você parar, faça uma prece é o suficiente.
Eu na prece, no evangelho e nada de eu melhorar, até que sonhei com meu avô falecido, me lembro que eu via ele e ansiosa eu perguntava: Vô vc sabe o que é um EV?
Ele sem dizer nada fez a tal técnica, e eu vi uma luz subindo e descendo pelo seu corpo, ele sorria e me olhava com amor, então animada eu comecei a encher ele de pergunta:
- Vô você sabe fazer o EV, Vô isso faz mal? Vô você acha que devo continuar? Vô porque lá no centro eles me mandam parar, essa técnica me ajudava tanto, depois que parei eu piorei denovo
Ele me olhou e sorriu novamente e disse: Não faz mal algum e começou a falar sobre como o amor de Deus é maravilhoso, lindo, sobre a paz...ai nesse ponto parece que as lembranças vão sumindo da minha mente.

Acordei animada e voltei a fazer o tal do EV, não tive mais nenhuma experiência, eu tinha muito medo, ainda tenho..rs..mais diminuiu um pouquinho, acho que eu sintonizava energias não muito legais com o medo, a falta de confiança e comecei a atrair semelhantes..rs..baixar minha sintonia, por uns dois finais de semana fiquei sem ir ao centro e minha irritação era tanta, ainda juntando com a TPM que nem eu me aguentava, nossa passava o final de semana me arrastando, querendo dormir, sem paciência e tentando não descontar em ninguém, uma dor de cabeça terrivel, extremamente cansada e irritada.
Como o Saulo cita em alguns de seus vídeos, parece que a luzinha tinha se apagado, eu voltei a durante o dia procurar ouvir sobre espiritualidade, comecei a pesquisar sobre os chacras, e fui assistir a palestra em uma sexta-feira do Vagner Borges, e nessa noite tive a minha primeira projeção lúcida, embora tenha perdido logo a consciência.

Me lembro que me levantei da cama no meio da madrugada, como se eu fosse descer pra tomar água, mais uma intuição me veio: "olha pra cama", eu com um medo lascado do que iria ver, virei o pescoço bem devagarinho para o lado, vi milha filha, meu filho e uma coisa grande no meio deles, arregalei o olho me aproximei e era eu, sensação estranha parecia um boneco, uma carcaça, mais era eu.

Denovo a ansiedade bateu e eu comecei a pensar: to projetada, to projetada e agora o que eu faço?..rs

A porta do quarto estava aberta, de frente fica o quarto da minha mãe, a porta também estava aberta e a luz lá em baixo acesa, algo me chamava pra descer maaas e a coragem...kkk
Não tirei o pé do lugar, e comecei a pensar o que o Saulo faria o que o Vagner fariam...tentei mentalizar um lugar agradável e não conseguia me concentrar o sono era enorme, lembro que pedi aos mentores que me guiasse, ai apaguei não lembro de mais nada...rs...
Mais acordei bem, depois desse dia tive alguns sonhos lúcidos, um eu não sei se foi um sonho lúcido ou uma projeção não tão consciente.
Me lembro que estávamos eu e outros projetores em um prédio, inteiro de vidro, nossa intenção era auxiliar uma projetora a projetar sua consciência, nos deitávamos em colchonetes, faziamos as técnicas e nos projetávamos, era muito curioso lembro que me levantei e vi vários outros projetores saindo do corpo se projetando e nossos corpos lá deitados, mais uma vez a curiosidade tomou conta de mim...rs

Me aproximei do vidro e olhei lá em baixo do prédio, era um lugar feio, onde eu via várias pessoas ou espíritos sei lá, correndo, fugindo, se batendo...um lugar cinzento, como se fosse um ferro velho abandonado sombrio.
Lembro que fiquei com inveja da projetora que ia projetar sua consciência pensei porque ela e não porque eu...rs..ta ai um defeito meu..kkka inveja...
Enfim, me lembro que era preciso dois projetores, receberem não lembro ao certo o que dela, mais era como se fosse uma queimada com um objeto quente nas costas, ninguém queria, um gordinho aceitou e quando me questionaram eu respondi que não, e nessa hora comecei a ter consciência de que eu estava sumindo, pensei: caramba to voltando pro corpo e sumi.

Acordei com o despertador tocando...rs..

Essas foram as experiências que tive até agora, e alguns dos perrengues que tenho passado, não desisto de estudar sobre o assunto e praticar, sem pressa, porque quero realmente aprender e me transformar com isso.

E a partir do momento que entramos em contato com a espiritualidade, precisamos buscar mais equilibrio ainda, porque nossos amigos vem que vem com tudo...kkkk...e nem sempre é fácil controlar as emoções que sentimos.

Depois disso tive apenas sonhos...mais é isso vamo que vamo...o autoconhecimento que tenho adquirido com esses estudos e experiências não tem valor que pague.

Um abraço e bom dia

4 comentários:

  1. Kel, estou praticando o EV , comecei ontem, hoje fiz duas vezes já , pretendo praticar a cada troca de ambiente.
    Só que minha respiração fica acelerada e batimentos aumentam, é normal?
    Tive uma sensação essa noite, mas foi acordada , acordei de madrugada e senti alguma presença em meu quarto , tive medo , rezei um pai nosso e logo voltei a dormir
    Vou continuar praticando .. queria saber se faço até a minha respiração acalmar e os batimentos tbém?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o que eu ouvi falarem sobre a respiração e o coração acelerar é que temos a tendencia de movimentar a energia no ritmo da respiração, consequentemente quando aumentamos a velocidade a respiração acelera e o coração tb...o ideal é movimentar as energias sem vincular a movimentos mecânicos...rs..é dificil..no começo eu tb movimentava junto..tenta respirar sem conciliar com a movimentação da energia..mesmo q vc pare e recomece várias vezes...eu faço isso...qd percebo ta dificil paro e recomeço...dizem que a sensibilidade aumenta...e sentimos mais as energias...só não se esqueça que atraímos ela...a melhor maneira de se proteger é se equilibrar emocionalmente..não é tão simples...mas temos ajuda o tempo todo...confia..eu tenho problema com insegurança..e se possivel baixe os cursos do site viagem astral e ouça...ajuda muito

      Excluir
  2. Ahhhh....kkkk achei vc menina...Já estava sentindo falta de suas postagens diarias...Parabéns pelo novo blog, amei...Sou sua fã..bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hehehe....oi nega...tmj sempre...seja bem vinda... <3

      Excluir